Dissertação

Volumes encadeados de propagação da luz utilizando uma base de funções esféricas radiais EVALUATED

A iluminação indireta é um dos componentes da computação gráfica que dá maior realismo a um cenário virtual, no entanto, é também um dos componentes que tem apresentado maiores desafios. Um dos mais recentes métodos que consegue superar alguns desses desafios de forma eficiente é os volumes encadeados de propagação da luz (CLPV). A sua vantagem em relação aos outros métodos é suportar a simulação de iluminação indireta em mundos completamente dinâmicos, mantendo um desempenho aceitável para aplicações interativas. Este documento introduz a nossa contribuição para este método, que consiste no uso de uma base de funções esféricas radiais (SRBF) em vez de harmónicas esféricas (SH) para representar os dados dentro dos volumes. As SRBF conseguem um melhor resultado quando são utilizados muitos coeficientes e são também mais flexíveis do que as SH. É o nosso objetivo verificar qual o comportamento das SRBF quando é utilizado poucos coeficientes e se conseguem trazer maior realismo à simulação. Portanto, neste documento vamos explicar como integrar a SRBF com os CLPV, e vamos avaliar as diferenças entre a nossa implementação com a SRBF e com SH. Visto que as SRBF são mais flexíveis, também vamos avaliar as diferenças entre diferentes versões de SRBF.
Iluminação indireta, Aplicações interativas, Volumes encadeados de propagação da luz, Base de funções esféricas radiais

Maio 31, 2012, 14:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

João António Madeiras Pereira

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado