Dissertação

Uso de Pocessadores gráficos em simulaçôes baseadas em agentes - Heatbugs EVALUATED

A modelação baseada em agentes (MBA) é um paradigma de programação e simulação. Trata-se de uma abordagem ascendente (bottom-up), em que agentes interactivos constituem os blocos básicos de construção. No entanto, os MBAs devem passar por um processo de implementação e verificação independente para obter credibilidade, e onde diferentes replicações de um MBA devem fornecer resultados estatisticamente semelhantes. Contudo a realidade é bem diferente e frequentemente observamos muitas replicações de um dado modelo a apresentarem resultados diferentes. Isso pode acontecer porque os MBAs são muito sensíveis aos detalhes de implementação, e a inexistência de descrições completas e formais do modelo geralmente deixa aos pesquisadores o ônus de criar implementações baseadas em interpretações pessoais do modelo. Neste trabalho apresentamos uma descrição completa do modelo Heatbugs baseado em sua implementação NetLogo. Para consegui-lo, usamos o protocolo ODD (Overview, Design concepts, Details), o que nos permite formalizar o modelo para que futuras replicações independentes sejam capazes de produzir resultados semelhantes. Além disso, fornecemos análises de resultados para desempenho e alinhamento estatístico para duas réplicas de modelos de Heatbugs: 1) uma implementação de CPU de thread única em C; e, 2) uma implementação paralela da GPU no OpenCL.
Heatbugs, MBA, protocolo ODD, simulação em GPU, OpenCL, alinhamento de modelos

Novembro 7, 2018, 10:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Nuno Maria Carvalho Pereira Fernandes Fachada

Universidade Lusófona

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Agostinho Cláudio da Rosa

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Associado