Dissertação

Sensory Based Framework for a Visually Realistic Architectural Modeling EVALUATED

Os ambientes virtuais (AV)s estão a ser cada vez mais usados para proporcionar experiências realistas aos utilizadores. Os AV têm sido dotados de várias técnicas visando proporcionar sensações aproximadas à experiência do mundo real. Neste trabalho é proposto um modelo onde se aplicam algumas dessas técnicas para produzir um AV mais eficiente, i.e., são reunidas algumas metodologias a fim de construir um AV no qual o utilizador se sinta totalmente imerso, experimentando sensações que de outro modo seriam impossíveis de sentir a não ser estando presentes no espaço físico real. Este trabalho tem por base uma visita virtual à Fundação Calouste Gulbenkian (Gulbenkian Tour) realizada durante o verão de 2012. A esta visita foram aplicadas as técnicas referidas visando perceber em que medida estas contribuem para a imersão do utilizador no AV de estudo (Gulbenkian Tour +). A área disciplinar da Arquitectura pode beneficiar da construção de AVs sensorialmente estimulantes. No decurso do processo de concepção, as decisões de projecto são tomadas tendo como referência estímulos e experiências espaciais anteriormente vivenciadas pelo próprio projectista. Os meios de representação tradicionais (projecções ortogonais e maquetas) não permitem descrever a dimensão sensorial dos espaços criados. Este trabalho é realizado em parceria com o curso de arquitectura do Instituto Superior Técnico. Neste contexto, e no âmbito específico do projecto de investigação IN_Learning, analisa-se o recurso a ambientes 3D imersivos, conjugados com efeitos visuais realísticos, para recriar/estimular o universo sensorial do utilizador no decurso da sua experiência de navegação no AV da Gulbenkian Tour +.
Ambientes Virtuais, Ambientes Virtuais Imersivos, Realidade Virtual, Caminhar em Ambientes Virtuais, Som em Ambientes Virtuais, Presença

Novembro 11, 2013, 13:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

Ana Paula Filipe Tomé

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

João António Madeiras Pereira

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado