Dissertação

Impact of high-frequency Quality Cost Control. Kaizen Institute EVALUATED

Com o desenvolvimento das novas tecnologias as empresas veem-se obrigadas a acompanhar este crescimento. Torna-se crucial diminuir o desperdício e custos nas empresas. O Mercado torna-se mais competitivo e não há margem para erro. Aqui surge o Kaizen com as suas metodologias Lean, mapeando a cadeia de valor, tornando claro o que é de facto valor acrescentado. Esta dissertação apresenta um problema de qualidade na Empresa X, líder no mercado automóvel. Não só tem havido um número elevado de peças que tem sido rejeitadas pelo cliente, devido a desvios nas especificações, mas não há qualquer conhecimento dos custos associados à não qualidade. A fábrica que está a ser estudada, assume que etapas de retrabalho existentes são obrigatórias no processo, este paradigma tem que mudar, uma vez que é uma tarefa de não valor acrescentado, que consome recursos, tempo e espaço. Com o suporte das metodologias Lean e análise de estudos já realizados no campo da qualidade, esta dissertação pretende não só providenciar uma metodologia estruturada para resolver problemas mas também desenvolver um modelo de quantificação de custos associados à não qualidade, que permitirá à gestão de topo ter uma visão mais realista dos custos que estão a ser incorridos. O objetivo final é que a fábrica passe a ter uma maior precessão do impacto dos custos associados à não qualidade, e o impacto dos mesmos na fábrica. Com isto, é pretendido que passe a haver uma maior preocupação em resolver os problemas associados à qualidade usando um método estruturado.
Custo de Qualidade, Não Valor Acrescentado, Percepção, Solução de Problemas

Novembro 8, 2018, 12:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Tânia Rute Xavier de Matos Pinto Varela

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Auxiliar