Dissertação

Abordagem multiobjetivo para problemas de escalas de tripulação em companhias aéreas EVALUATED

A indústria aérea é uma das principais indústrias transportadoras que mais tem contribuído para a globalização. Como tal, existe uma enorme preocupação para que esta se torne cada vez mais rentável e sustentável. Assim sendo, a preocupação das companhias aéreas com o serviço oferecido aos clientes tende a aumentar, nomeadamente no que respeita à eficácia e rapidez com que tudo é planeado e replaneado. O processo de planeamento é bastante complexo e quando não é possível a concretização de uma etapa a complexidade aumenta, pois, o espaço de tempo é menor, assim como os recursos disponíveis. Dada a complexidade e possibilidade de problemas a estudar numa companhia aérea, o foco de todo o estudo manteve-se no planeamento da tripulação aérea. Como se sabe os recursos humanos de qualquer empresa, são uma parte fundamental da organização e um dos capitais mais importantes sendo, portanto um dos que necessita de um maior investimento. Consequentemente, um bom planeamento e investimento podem levar a companhia aérea a distinguir-se da concorrência. Deste modo, foi desenvolvido um modelo de otimização multiobjetivo para a construção de escalas de trabalho para uma companhia aérea com base em Portugal. Este modelo possuí três objetivos: a minimização do custo extra, o equilíbrio das horas de serviço e o equilíbrio das horas de voo. Após a execução do modelo de otimização e da análise de cenários efetuada foi possível concluir que o número de tripulantes, relativamente aos dados iniciais, pode ser reduzido em 50% uma vez que se obtém melhores resultados.
Escalas de trabalho, companhia aérea, tripulação aérea, modelo de otimização multiobjetivo

Novembro 8, 2017, 11:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

José Rui De Matos Figueira

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Associado