Dissertação

Creative Class in the Portuguese Economy EVALUATED

A criatividade como fonte de crescimento e desenvolvimento tem sido alvo de crescente interesse por parte de diversos autores. A presente dissertação aborda a importância da classe criativa na economia portuguesa, com base nas literaturas que abordam o tema da criatividade. Esta dissertação utiliza uma base de dados denominada Quadros de Pessoal, que contem diversas informações sobre as empresas privadas portuguesas e os seus funcionários. Esta dissertação tem como principal objetivo elucidar sobre o papel dos trabalhadores criativos em Portugal. Os resultados sugerem que os trabalhadores criativos têm níveis de escolaridade mais elevados e igualmente salários mais elevados, estando presentes na sua maioria em empresas multinacionais de menor dimensão e mais antigas. Os resultados sugerem ainda que os trabalhadores criativos recebem um prémio salarial quando comparados com trabalhadores não criativos, controlando para a localização, dimensão e sector de actividade da empresa onde os trabalhadores estão empregados, bem como os níveis de educação dos mesmos.. Finalmente, osOs resultados empíricos sugerem ainda que os trabalhadores criativos têm uma maior propensão para se tornarem empreendedores em comparação com os trabalhadores não criativos, mesmo considerando as características individuais como a educação bem como as características das empresas. Esta dissertação aplica conceitos e metodologias utilizadas anteriormente em estudos nacionais e internacionais e visa estabelecer uma base sólida, com dados empíricos para futuras pesquisas relacionadas com os temas da criatividade, empreendedorismo e trabalho.
Criatividade, Empreendedorismo, Escolha ocupacional, Salários, Base de dados longitudinal, Portugal.

Junho 17, 2013, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Miguel Simões Torres Preto

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Prof Auxiliar Convidado