Dissertação

A Growth Strategy Model - Growth Analysis for Firms and Sectors EVALUATED

É descrito um modelo de crescimento para empresas, que maximiza o Valor Acrescentado Bruto (VAB) e define o caminho óptimo de crescimento sob um contexto onde não há acesso a crédito. O modelo é construído com base na função de produção A.C (produto proporcional ao capital) e na identidade fundamental contabilística. Esta última é escrita igualando o VAB à soma dos custos de pessoal com um termo proporcional ao capital. O modelo calcula o VAB de acordo com estimativas de um factor financeiro e de um factor de depreciação e com base na decisão sobre custos com pessoal, decisão que afecta igualmente o investimento. São impostas restrições que asseguram valores mínimos de liquidez e valores apropriados para a constante A e para os custos com pessoal, dependendo das melhores práticas verificadas no sector a que a empresa pertence. Para a validação deste modelo utilizaram-se dados do período 1995-2005 de 15 divisões da economia portuguesa. De 1995-2000, os dados foram utilizados para calibrar o modelo. Para o período 2001-2005 foram feitas previsões, as quais compararam-se com os dados observados. Os resultados indicam que o modelo estima o VAB com desvios anuais médios de 8% nos primeiros três anos. Para o capital, os erros de estimação foram inferiores a 25%. Esta quási-experiência não é perfeita porque os dados reais das divisões económicas utilizadas reflectem um contexto onde foi utilizado crédito. Este efeito foi analisado e confirmou-se a correlação positiva entre o erro de estimação e a quantidade de crédito utilizada na realidade.
Modelo de Crescimento Económico, Valor Acrescentado Bruto, Optimização

Junho 18, 2012, 14:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

António Simão de Carvalho Fernandes

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Catedrático