Dissertação

Estudo da Rede de Distribuição da Empresa Beirabaga EVALUATED

Os produtos agroalimentares perecíveis após colheita têm de ser comercializados no menor tempo, pois têm prazos de validade curtos e vão perdendo gradualmente qualidade. Por isso as operações, ao longo de toda a cadeia de abastecimento, têm de apresentar níveis de eficiência elevados e garantir que as diferentes infraestruturas estão bem localizadas de forma a reduzir o tempo de transporte. Foi neste contexto que surgiu esta dissertação com a Beirabaga, empresa que produz e comercializa pequenos frutos, tais como, framboesa, amora, mirtilo, entre outros. Esta empresa pretende estudar a sua rede de distribuição composta atualmente por fornecedores nacionais e internacionais, três centros de produção em Tavira, Fundão e Alpedrinha e dois centros de embalamento em Alpedrinha e Tavira (embora este último seja apenas para exportação), e analisar possíveis pontos de melhoria através da redefinição da sua rede de infraestruturas, tendo como principal objetivo reduzir o tempo de distribuição dos produtos e os custos. Para responder ao desafio foi necessário estudar a empresa e a sua cadeia de abastecimento. Posto isto, elaborou-se uma revisão da literatura com o objetivo de encontrar trabalhos de autores que tenham estudado casos semelhantes; de seguida, desenvolveram-se dois modelos matemáticos com o intuito de encontrar as soluções ótimas em termos de custo e tempo. A solução que minimiza os custos permite reduzi-los em cerca de 12%, com uma configuração de rede com 2 centros de embalamento; a solução que minimiza o tempo permite reduzi-lo em cerca de 44%, com uma configuração de rede com 3 centros.
Alimentos perecíveis, Gestão da cadeia de abastecimento, Cadeia de abastecimento de frutas

Março 21, 2019, 16:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Tânia Rodrigues Pereira Ramos

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Auxiliar