Dissertação

Reallocate operating room time among surgical services. The case of a public Portuguese hospital EVALUATED

Atualmente os prestadores de serviços de saúde enfrentam uma crescente complexidade devido a um aumento na procura e ao desenvolvimento de novas e caras tecnologias. O bloco operatório é um dos grandes desafios de um hospital, visto tratar-se de um dos centros com maiores custos e de maior rendimento para o hospital. O bloco operatório tem inclusivamente um grande impacto nas unidades a montante e a jusante, sendo alvo de uma crescente pressão para atingir maiores níveis de eficiência. Este trabalho é desenvolvido em parceira com um hospital público português e tem como principal objetivo a diminuição da lista de espera para cirurgia. Tendo em conta as restrições em termos de recursos humanos e de espaço, este trabalho propõe realocar os tempos cirúrgicos pelas especialidades, criando um novo plano operativo onde os tempos cirúrgicos afetos a cada especialidade, em que dia e em que sala operam. Esta realocação tem com objetivos adequar a oferta à procura ao mesmo tempo que maximiza a eficiência do bloco operatório. Este trabalho apresenta um modelo em programação linear inteira mista com três objetivos distintos: maximizar o número de tempos alocados e as suas preferências agregadas, distribuir dos tempos de acordo com a procura e nivelar a utilização das unidades adjacentes ao bloco operatório. O último capítulo apresenta resultados, comparando-os com os valores atuais do hospital. Os resultados mostram que os recursos humanos são a maior restrição para uma melhor adequação da oferta à procura, sugerindo uma nova distribuição dos cirurgiões pelas especialidades.
Bloco Operatório, Planeamento Agregado, Planeamento da Capacidade, Alocação de  recursos, Tempo de espera, Programação Inteira Linear Mista

Outubro 29, 2018, 12:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Inês Marques Proença

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Auxiliar