Dissertação

Low-energy phenomenology of neutrino mass mechanisms EVALUATED

Apesar dos repetidos sucessos, uma evidência clara de que o Modelo Padrão (MP) não é a teoria final provém da observação de oscilações de neutrinos, que implicam massas de neutrinos não nulas. Na presente dissertação, analisamos extensões do MP baseadas no mecanismo \emph{seesaw}, em que as pequenas massas dos neutrinos surgem naturalmente da troca a nível árvore de campos pesados, que podem ser singletos fermiónicos, tripletos fermiónicos ou tripletos escalares. De um ponto de vista efetivo a baixas energias, o operador de dimensão cinco responsável pelas massas dos neutrinos é comum a todas as teorias com neutrinos de Majorana. No entanto, existe uma grande variedade de operadores de dimensão seis. Nesta tese, obtemos então os operadores efetivos de dimensão seis para as três versões do mecanismo de seesaw e verificamos que poderão existir efeitos observáveis em experiências futuras se os coeficientes dos operadores de dimensão seis forem desacoplados dos do operador de dimensão cinco segundo um padrão comum aos vários modelos. Exploramos também consequências fenomenológicas, incluindo uma análise detalhada de processos violadores do sabor leptónico (LFV). Em particular, obtemos constrangimentos a cada modelo seesaw e discutimos a possibilidade de observar tais processos em experiências atuais e futuras. As predições obtidas para tais processos poderão constituir uma ferramenta fundamental para discriminar entre os três modelos considerados. Para além disto, uma análise combinada incluindo outros decaimentos eletrofracos mostra que os desvios à unitariedade nos modelos de seesaw fermiónicos são menores que 2 sigma.
Física de neutrinos, Extensões do MP, Mecanismos seesaw, Fenomenologia, Decaimentos raros, Violação do sabor leptónico

Novembro 13, 2014, 16:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Filipe Rafael Joaquim

Departamento de Física (DF)

Professor Auxiliar