Dissertação

Bosonic Stars: Scalar and Vector Field Self-Gravitating Configurations EVALUATED

Configurações de partículas sem spin confinadas pela gravidade, ou estrelas de bosões escalares, têm sido estudadas desde há décadas e têm hoje várias aplicações que incluem desde considerá-las possíveis candidatos a matéria escura a indicações de que estas terão representado um papel importante no desenvolvimento do Universo primordial. Estes objectos também foram investigados em espaços-tempo assimptoticamente Anti-de Sitter (AdS), devido nomeadamente a correspondência AdS/CFT, uma aparente coerência entre fenómenos físicos em AdS e teorias de campo conformes. Neste trabalho são estudadas soluções de estrelas de bosões escalares bem como configurações de partículas de spin-1, as chamadas estrelas Proca. Estas sao construídas em espaços-tempo assimptoticamente planos e em AdS de modo a evidenciar as diferenças entre os dois. Tais soluçoes são encontradas numericamente e comparadas com resultados analíticos encontrados no limite em que os campos massivos podem ser considerados como perturbações da métrica em vácuo. Configurações de spin-1 são estudadas em cinco dimensões e é argumentado que estas são sempre instáveis em espaço plano. Condições de estabilidade face a perturbações lineares esfericamente simétricas são encontradas para estrelas Proca em ambos os espaços-tempo. Por fim, um teorema do cabelo e provado para estrelas Proca em AdS estabelecendo que o único buraco negro possível em simetria esférica é o espaço-tempo de Schwazschild-AdS. Alguns dos resultados obtidos na realizção desta tese encontram-se em [1].
assimptoticamente AdS, campos bosónicos, estrela de bosões, estrela Proca, buraco negro.

Julho 26, 2016, 13:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Vítor Manuel dos Santos Cardoso

Departamento de Física (DF)

Professor Associado

ORIENTADOR

Richard Pires Brito

CENTRA - Departamento de Física (DF)

Especialista