Dissertação

Neutrinos, Symmetries and the Origin of Matter EVALUATED

As simetrias como leis de invariância desempenham um papel fundamental na construção de teorias físicas. Em particular, as simetrias de gauge estão na base do presente conhecimento do mundo subatómico, que assenta no Modelo Padrão da física de partículas. Apesar de repetido sucesso, este modelo tem que ser necessariamente expandido à luz da existência de massas e mistura de neutrinos. Na presente dissertação são exploradas extensões do Modelo Padrão baseadas no mecanismo seesaw onde a supressão da massa dos neutrinos é naturalmente explicada. Massas de neutrinos não nulas conduzem a mistura leptónica, cuja estrutura se aproxima a um padrão tribimaximal, apontando para a possível presença de simetrias discretas na teoria a altas energias -- como a invariância sob transformações do grupo A4, considerado neste trabalho. O Modelo Padrão revela-se igualmente insuficiente na explicação da assimetria bariónica do Universo. Nos modelos seesaw é possível gerar dinamicamente essa assimetria através dos decaimentos dos novos estados pesados (fora de equilíbrio térmico) mediante o mecanismo de leptogénese, cuja eficiência é determinada numericamente resolvendo o sistema de equações de Boltzmann adequado. Nesta dissertação, apresenta-se a análise de um modelo particular para violação espontânea da simetria CP onde se explicam as massas e mistura de neutrinos impondo uma simetria discreta A4. A implementação do mecanismo de leptogénese neste contexto é discutida em detalhe.
Assimetria bariónica do Universo, Leptogénese, Massa e mistura de neutrinos, Mecanismo seesaw, Simetrias, Violação de CP

Novembro 29, 2013, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Filipe Rafael Joaquim

Departamento de Física (DF)

Professor Auxiliar