Dissertação

Fast Large Volume Simulations of the Epoch of Reionization EVALUATED

Novas experiências, tais como os novos rádio telescópios LOFAR, MWA e SKA tornarão possível o estudo de diferentes etapas da evolução do Universo, das quais sabemos muito pouco. Em particular podemos estudar a Reionização, a época em que radiação das primeiras fontes luminosas ionizou quase todo o hidrogénio no Universo. O objectivo do trabalho apresentado nesta tese é construir uma simulação semi-numérica da Época da Reionização (de z aproximadamente 20 até z aproximadamente 5) e simular o sinal correspondente proveniente da linha de 21 cm do hidrogénio. Esta simulação tem o maior volume produzido até hoje, de modo a ter em conta o campo de visão dos telescópios. Geramos um campo de ionização que nos forneceu a topologia e a distribuição por tamanhos das bolhas de hidrogénio ionizado, bem como a evolução da fracção de ionização ao longo da Época da Reionização. Como resultado desta simulação apresentamos mapas de temperatura de 21 cm, com correcções devidas à temperatura de spin (TS) para desvios para o vermelho elevados e uma análise da infuência de flutuações dos campos de velocidade peculiar, densidade e ionização no espectro de potência de 21 cm. Analisámos a forma dos espectros de potência do campo de ionização e da correlação entre o campo de densidade e o de campo de ionização. Devido às suas diferentes dependências angulares, estes resultados poderão ser directamente testados em experiências futuras.
Reionização, Sinal de 21-cm, Temperatura de Spin, Simulações

Novembro 11, 2009, 10:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Mário Gonçalo Rodrigues dos Santos

Departamento de Física (DF)

Professor Auxiliar Convidado