Dissertação

Exotic compact objects interacting with fundamental fields EVALUATED

A astronomia de ondas gravitacionais apresenta-se como uma nova forma de testar os fundamentos da física ─ e, em particular, a gravidade. Os detetores de ondas gravitacionais por interferometria laser permitirão compreender melhor ou até esclarecer questões de longa data que continuam por responder, como seja a existência de buracos negros. Pese embora o número cumulativo de argumentos teóricos e evidências observacionais que tem vindo a fortalecer a hipótese da sua existência, não há ainda qualquer prova conclusiva. Os dados atualmente disponíveis não descartam a possibilidade de outros objetos exóticos, que não buracos negros, se formarem em resultado do colapso gravitacional de uma estrela suficientemente massiva. De facto, acredita-se que a assinatura do objeto exótico remanescente da coalescência de um sistema binário de objetos compactos pode estar encriptada na amplitude da onda gravitacional emitida durante a fase de oscilações amortecidas, o que tornaria possível a distinção entre buracos negros e outros objetos exóticos. Esta dissertação explora aspetos clássicos da fenomenologia de perturbações escalares e eletromagnéticas de duas famílias de objetos exóticos cuja geometria, apesar de semelhante à de um buraco negro de Kerr, é definida por uma superfície refletora, e não por um horizonte de eventos. Em geral, tais objetos registam instabilidades quando caracterizados por condições de fronteira totalmente refletoras. No entanto, mostra-se que podem ser estáveis se se considerar condições de fronteira parcialmente ou sobre-refletoras. Os resultados sugerem que, pelo menos no que respeita a esta instabilidade, estes objetos exóticos podem ser viáveis do ponto de vista astrofísico.
instabilidade de ergo-região, objetos compactos, buracos negros, relatividade geral

Novembro 6, 2018, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Vítor Manuel dos Santos Cardoso

Departamento de Física (DF)

Professor Catedrático

ORIENTADOR

Carlos Alberto Ruivo Herdeiro

Departamento de Física (DF/CENTRA)

Professor Associado