Dissertação

Study of ttH production with H->bb in ATLAS at the HL-LHC EVALUATED

Esta tese apresenta uma estratégia alternativa para analisar experimentalmente o processo ttH(H->bb) no LHC e no futuro regime de alta luminosidade. Ao contrário de estratégias correntemente implementadas em colaborações experimentais, esta análise explora técnicas de substructura de jactos hadrónicos e foca-se na reconstrução de bosões de Higgs com alto momento, de forma a obter sensibilidade de sinal com uma análise baseada em cortes. O fundo de tt+jactos pode ser constrangido na análise proposta através de uma região de controlo com muito pequena contaminação de sinal. Usando esta estratégia de análise, o processo ttH(H->bb) poderá ser observado no LHC, singularmente no canal semi-leptónico, tendo uma significância associada de 5.41+/-0.12 para uma luminosidade integrada de 300/fb. Esta mesma luminosidade integrada está associada a uma significância de 6.13+/-0.11, no HL-LHC com um detector melhorado. É esperada uma incerteza de 18% na força de sinal do processo ttH no LHC, com uma luminosidade integrada de 300/fb, que se reduz para 5% no HL-LHC com uma luminosidade integrada de 3000/fb. Adicionalmente, o acoplamento do bosão de Higgs ao quark top é esperado poder ser medido com uma incerteza de 35% no fim das operações do LHC, utilizando a estratégia proposta com uma luminosidade integrada de 300/fb. Esta incerteza diminui para 17% no caso do HL-LHC, com uma luminosidade integrada de 3000/fb. É possível ainda implementar a estratégia usando jactos re-clustered, sem perdas de eficiência.
Bosão de Higgs, Yukawa, Força de Sinal, Quarks Top, HL-LHC, Subestrutura de Jactos

Novembro 12, 2018, 11:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

José Ricardo Morais Silva Gonçalo

LIP

Investigador Principal

ORIENTADOR

Pedro Morais Salgueiro Teixeira de Abreu

Departamento de Física (DF)

Professor Auxiliar