Dissertação

Carrier Transport and Energy Harvesting in ZnO Nanowires EVALUATED

Nanofios de óxido de zinco tem sido utilizados para melhorar a eficiência na recolha dos portadores de carga em células solares sensibilizadas por corante (DSSC), uma vez que oferecem um caminho directo para o ânodo. Outra característica interessante do óxido de zinco é a sua propriedade piezoelétrica e desta forma a sua capacidade de transformar energia mecânica em eléctrica. Nanofios de óxido de zinco com 100 nm de espessura e 5 um de altura, foram depositados por wet chemical process e as suas propriedades elétricas foram estudadas e comparadas com uma amostra de filme fino, onde o principal objetivo foi estudar os efeitos de superfície devido à adsorpção de moléculas. Da característica IV retirou-se a concentração de armadilhas não ocupadas p_{t,0} = (4.4 ± 0.2) x 10¹² cm^(-3) assim como a concentração dos portadores de carga n_0 = (1.5 ± 0.1) x 10^9 cm^(-3). Observou-se que a sensibilidade à luz dos nanofios depende da temperatura, e que com o decaímento da foto-corrente, quando aplicado uma transformada de Laplace obteve-se dois picos associados a defeitos de superfície a 0.85 eV e 0.95 eV. Já a espectroscopia de admitância revelou um defeito intrínseco na amostra de nanofios a 0.48 ± 0.02 eV, e um a 0.44 ± 0.02 eV na amostra de filme fino.
Óxido de Zinco, Nanofios, Defeitos Profundos, Trap-Filled Limit, Efeitos de Superfície

Outubro 29, 2015, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Reinhard Horst Schwarz

Departamento de Física (DF)

Professor Associado

CO-ORIENTADOR

Rachid Ayouchi

Departamento de Física (DF)

Investigador Auxiliar