Dissertação

LiDAR data acquisition and processing for ecology application EVALUATED

A recolha de dados ecológicos no campo é essencial para diagnosticar, monitorizar e gerir ecossistemas de forma sustentável. Como a aquisição desta informação de forma tradicional é geralmente morosa, devido à capacidade de registar grande volume de dados em curtos períodos, a automatização da aquisição de dados tem crescido em popularidade. Laser scanners terrestes (TLS), particularmente sensores LiDAR, quando aplicados em ecologia, permitem reconstruir a estrutura 3D da vegetação, e inferir características dos ecossistemas com base na variação espacial da densidade de pontos. Contudo, a baixa quantidade de informação obtida por feixe, falta de ferramentas de análise de dados e o elevado custo dos equipamentos limitam a sua utilização. Deste modo, desenvolveu-se um TLS de baixo-custo (<10k€) e mecanismos de aquisição e processamento de dados aplicáveis a dois casos de estudo: um parque urbano e uma zona alvo de restauro ecológico. A orientação do LiDAR foi modificada para realizar observações no plano vertical e foi integrado um motor para rotação do mesmo, atingindo uma aquisição de dados de 360° com elevada resolução. Foram ainda integrados sensores de movimento e localização para correção automática de erros e georreferenciação. Dos dados gerados, foram criados histogramas de variação da densidade de pontos ao longo da altura da vegetação, onde o estrato arbustivo era facilmente distinguível do estrato arbóreo, e calculadas a altura máxima de árvores e cobertura arbustiva. Estes resultados concordaram com os dados de campo, portanto, o TLS tem demonstrado ser eficaz no cálculo de métricas de complexidade estrutural da vegetação.
deteção remota, ecologia, LiDAR, sistema laser estacionário, low cost

Janeiro 15, 2021, 10:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

João Nuno De Oliveira e Silva

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Adriana Príncipe da Silva

Faculdade de Ciências/ULisboa

Especialista