Dissertação

Evaluation of Antennas Location on Trains for Mobile Communications EVALUATED

O objetivo desta tese foi proceder a uma análise do desempenho de antenas instaladas em comboios para comunicações móveis ferroviárias, utilizando redes móveis dedicadas. Este trabalho incluiu o desenvolvimento de vários modelos 3D do teto de um comboio, bem como o uso de modelos de antenas baseados em equipamentos reais utilizados em sistemas em funcionamento. A combinação resultante dos modelos de comboio e das antenas foi então utilizada para simular a propagação dos sinais, através do software CST Microwave Studio, que tem em consideração os parâmetros das antenas e as restrições físicas impostas pelo modelo. Os principais aspetos considerados no modelo do comboio foram as estrias longitudinais e a altura das antenas ao teto. Foram testados sistemas TETRA, GSM-R, LTE-R e BBRS, com frequências entre 400 MHz e 5.9 GHz. O estudo dos impactos das estrias permitiu concluir que as frequências mais altas sofrem maiores impactos, com reduções de ganho que atingem 14 dB em alguns ângulos, o que era esperado visto o comprimento de onda nestas frequências se situar próximo das dimensões das estrias. A 400 MHz, recomenda-se que a antena seja instalada próxima do teto do comboio, a 1 cm, enquanto que para frequências superiores o desempenho é melhorado com o aumento da altura da antena para 20 cm. Dependendo dos requisitos do sistema, recomenda-se uma margem de segurança nas comunicações para alguns dos sistemas, variando entre 5 e 14 dB, tendo em conta se há comunicações críticas a ter lugar.
Comunicações ferroviárias, Posicionamento de antenas, Estrias longitudinais, Plano terra elevado

Novembro 6, 2019, 11:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Luís Manuel De Jesus Sousa Correia

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Associado