Dissertação

Multiple Access Strategies for Spatial Modulation EVALUATED

O objectivo principal deste trabalho foi analisar a viabilidade da Modulação Espacial como tecnologia a implementar e suportar os futuros sistemas 5G que estão a ser actualmente desenvolvidos. Isto foi realizado avaliando estratégias de múltiplo acesso aplicadas com Modulação Espacial em cenários de múltiplos utilizadores e encontrando uma solução que possa ser viável para uma implementação no mundo real. A solução encontrada para aplicar com a Modulação Espacial é baseada num esquema de CDMA espaciotemporal. O desempenho do sistema foi analisado testando a influência dos seus parâmetros principais em múltiplos cenários com vários detectores. Alguns cenários são de projectos 5G para compreender a sua viabilidade para sistemas 5G. Os parâmetros mais influentes são o número de antenas receptoras e de utilizadores, causando o primeiro um ganho de aproximadamente 4 dB. O segundo mostra uma degradação desprezável somente no descodificador de máxima verosimilhança. Nos restantes detectores sub-óptimos usados, o desempenho do sistema é degradado devido à presença de interferência de múltiplo acesso. A diversidade espacial associada às antenas transmissoras também foi analisada devido ao compromisso existente entre ortogonalidade e diversidade. Para o filtro adaptado, a diversidade não compensa a perda de ortogonalidade, contrariamente aos outros detectores, devido à sua vulnerabilidade com interferência de múltiplo acesso. A presença de correlação entre as antenas também degrada o desempenho em aproximadamente 2 dB. Para os cenários 5G testados, o sistema mostrou degradação desprezável para números maiores de utilizadores, demonstrando o seu potencial para se enquadrar bem nos futuros sistemas 5G.
5G, MIMO, Modulação Espacial, ST-CDMA, Desempenho de BER, ganho de SNR

Maio 11, 2017, 14:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Luís Manuel De Jesus Sousa Correia

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Associado