Dissertação

Evaluation of Narrowband Technologies in Urban Environments EVALUATED

A IoT está a experienciar um rápido crescimento e a impor novos requisitos de conectividade. As tecnologias de banda estreita emergem para responder a esses novos requisitos. O objetivo desta dissertação é avaliar as potencialidades destas tecnologias em ambientes urbanos. Algumas redes Low Power Wide Area são descritas e comparadas, incluindo o LoRa, Ingenu, SigFox e as soluções IoT Celulares, contudo, apenas a SigFox foi utilizada para conduzir a avaliação. Lisboa foi escolhida como cenário de referência, onde conjuntos de transmissões com uma TD1208 Evaluation Board foram realizados. A informação obtida permitiu calibrar um modelo de propagação outdoor, que previu que as comunicações poderiam alcançar mais de 10 km. Estimativas também sugerem que a SigFox proporciona coberturas acima de 87 % a 99 % dos ambientes indoor com 20 dB de atenuação. Transmissões num veículo em movimento mostraram um decréscimo da média de frames recebidos por gateway de 2.5 para 1.5 a 80 km/h, mas a rede continuou a proporcionar taxas de perda de mensagens próximas de zero. Simulações de autonomia para um módulo SigFox alimentado por uma bateria alcalina AA sugerem que, para menos de 5 transmissões diárias, poderia durar mais de 10 anos e quando integrado num dispositivo de rega automático ou num alarme, poderia alcançar 6 a 10 anos e 3 a 5 anos, respetivamente. Finalmente, um programa em Matlab que replica o ambiente de rádio em Lisboa indicou que uma rede constituída por 9 gateways apenas admitiria o equivalente a 3 dispositivos por indivíduo.
Internet das Coisas, Teste das Tecnologias de Banda Estreita, SigFox, Redes Low Power Wide Area, Ambientes Urbanos

Outubro 24, 2017, 9:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Luís Miguel Teixeira D'Avila Pinto da Silveira

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Catedrático