Dissertação

Detecção de fugas em redes de distribuição de água EVALUATED

Esta dissertação propõe uma solução para o problema de detecção de fugas numa rede de distribuição de água com um consumidor e um fornecedor. Consideram-se dois tipos de rupturas – abruptas e progressivas – para cada um dos quais é proposto um algoritmo de detecção. Ambos têm por base a predição do consumo de água, feita através da modulação do consumo como a saída de um sistema ARMA e o cálculo do preditor um passo à frente que minimiza o erro quadrático médio, e a análise dos resíduos entre a predição e as observações de caudal feitas a cada instante. Nesta dissertação propõe-se também um método de detecção e localização de fugas, com base em medições de caudal, em redes de distribuição de água que podem ser de um ou mais fornecedores e de um ou mais consumidores, mas que se caracterizam por serem compostas por vários ramos e nós. O método proposto tira partido da representação da rede através da sua matriz de incidência, não sendo por isso necessária a sua simulação com ferramentas de modelação hidráulicas, e pressupõe que a rede está completamente caracterizada, i.e. é conhecido o peso de cada ramo. O sistema de localização de fugas foi treinado de forma a reconhecer os efeitos de uma ruptura em cada um dos ramos da rede no caudal dos restantes ramos que são monitorizados, tendo sido usado um método de clustering baseado no algoritmo K-means para este efeito. Assumiu-se que apenas alguns dos ramos da rede são monitorizados.
Redes de água, Modelação, Predição, Localização de fugas, Detecção de fugas

Outubro 26, 2016, 9:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

João Manuel Lage de Miranda Lemos

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Catedrático