Dissertação

Steerable Beam Reflectarray Concept using Nematic Liquid Crystal Substrate EVALUATED

Escassez de espectro disponível é um dilema pertinente na área de Telecomunicações. Este trabalho estuda uma tecnologia emergente, adaptada às bandas esparsas de alta frequência. Cristal Líquido é uma substância interessante: apresenta anisotropia de propriedades eléctricas, controlável por voltagem. O uso em conjunto com ondas milimétricas está ainda em desenvolvimento. Este trabalho expande sobre um protótipo existente, adicionando um grau de liberdade ao feixe. ‘Agregado Reflector Reconfigurável’ refere-se à matriz de patches, compondo o agregado refletor, cujo substrato é Cristal Líquido. Analisou-se a lei de fase para a célula unitária; gerou-se algoritmicamente a fase diferencial para cada célula, representada de forma nodal; simulando estes conceitos, os resultantes diagramas de radiação foram avaliados. Registaram-se valores de perda em varrimento de 1 dB e intervalo de varrimento de −24° to 24°, em dois planos. A directividade máxima foi de 25.60 dBi, com eficiência de radiação de aproximadamente 25%. Apesar desta ser reduzida, o objectivo principal deste trabalho é comprovar projeção orientável em duas dimensões de um feixe estreito por variação de permitividade do substrato. Há variação no valor de SLL, sendo que o melhor valor é de −20.5 dB e o pior −7.8 dB. Os erros angulares são abaixo de 5°: inferior à largura do feixo de 6°. Em sumário, a tecnologia de Cristal Líquido aplicado a agregados refletores é uma prospectiva empolgante para desenvolvimento de futuras antenas, apelativo a aplicações aeroespaciais. Isto deve-se à facilidade e baixo custo de fabrico, componentes leves, assim como a capacidade de integração em superficies planas.
Cristal Líquido, Ondas milimétricas, Agregado Refletor, Orientável, Alteração de fase, Patch

Novembro 22, 2019, 11:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Jorge Manuel Rodrigues da Costa

ISCTE

Professor Associado

ORIENTADOR

Carlos António Cardoso Fernandes

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Catedrático