Objectivos

O domínio científico do curso de Mestrado é o da Engenharia Electrotécnica e de Computadores. Distinguem-se sete áreas de especialização:

  • Computadores e Redes
  • Electrónica Industrial e Automação
  • Energia
  • Instrumentação e Medidas Eléctricas
  • Sistemas, Decisão e Controlo
  • Sistemas Electrónicos
  • Telecomunicações

O Mestrado corresponde à primeira fase do programa de pós-graduação do Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC) do Instituto Superior Técnico, e  conduz à obtenção de um grau académico: o grau de Mestre em Engenharia Electrotécnica e de Computadores.

A filosofia subjacente ao programa de Mestrado do DEEC é a de promover a formação de quadros com elevado grau de competência técnica e, em simultâneo, com boa capacidade de adaptação a uma realidade tecnológica em rápida evolução. Neste sentido, há que satisfazer dois objectivos de fundamental importância e em parte contraditórios:

  • Dotar o mestrando com os conhecimentos necessários ao exercício eficaz de uma actividade profissional exigente num dado domínio do conhecimento. Este objectivo conduz a um tipo de formação com ênfase numa componente de especialização.
  • Garantir ao mestrando a capacidade de adaptação, face à rápida evolução da tecnologia num horizonte temporal de cerca de 25 anos de vida profissional. O cumprimento deste objectivo aconselha privilegiar a formação de base.

O formato adoptado para o curso apresenta, do ponto de vista do DEEC, uma solução equilibrada para o cumprimento dos objectivos propostos. É intenção fundamental que o mestrando adquira grande capacidade para resolução de problemas e desenvolva o seu potencial de inovação, assim como sensibilidade para os aspectos de exequibilidade das soluções encontradas, incluindo a sua componente económica.

De acordo com esta perspectiva, o DEEC inclui a sua actividade de pós-graduação ao nível do mestrado num programa com características superestruturais comuns, a que corresponde, independentemente da especialização obtida, a mesma designação de grau de Mestre em Engenharia Electrotécnica e de Computadores. No entanto, a flexibilidade adoptada na implementação do curso permite considerar as áreas de especialização como programas específicos próprios, e dá possibilidade de ajustes mais finos dos tipos de assuntos a estudar, que tenham em conta as expectativas e a experiência pessoal de cada mestrando. Estes pontos revelam-se de grande importância nos domínios de actividades abrangidas pelo MEEC, os quais são caracterizados por uma forte interpenetração de diversos campos científicos e pelo impacte das tecnologias que lhes estão associadas num conjunto vasto de domínios de aplicação.

Coordenadores

2006/2007

A informação contida nesta página é da responsabilidade da equipa de coordenação do curso.