Dissertação

Análise de sistemas guiados de transporte público em zona urbana EVALUATED

Nos últimos anos tem-se vivido uma grande evolução no sector dos transportes públicos, tendo surgido alternativas inovadoras que consagram vantagens de vários sistemas de transporte convencionais. Dentro destas alternativas dá-se destaque aos sistemas de transporte que possuem um guiamento não convencional, podendo beneficiar o sector dos transportes públicos, visto que, para uma média baixa procura, podem ser economicamente mais viáveis que um sistema convencional de transporte ferroviário, mantendo um bom desempenho operacional. A presente dissertação pretende avaliar a potencialidade de implementar sistemas não convencionais de transporte público. Numa primeira etapa, recolheu-se informação sobre os sistemas de transporte convencionais e não convencionais. Em seguimento, utilizou-se um método de análise multicritério, mais concretamente o método ELECTRE, para analisar nove alternativas de sistemas de transporte convencionais e não convencionais, através de treze critérios avaliativos associados ao desempenho do sistema, aos custos associados e aos aspetos ambientais e urbanísticos, para um total de quatro cenários criados com diferentes valores de procura horária (entre 1000 e 4000 passageiros por hora e direção). Para os dados adotados no modelo, os resultados destacam o interesse de: implementar o sistema Irisbus para uma procura horária igual ou inferior a 3000 passageiros por direção e de implementar o sistema convencional de elétrico para uma procura horária igual ou superior a 4000 passageiros por direção. Adicionalmente, avaliou-se a viabilidade do sistema Autonomous Rail Rapid Transit (ART), um sistema não convencional de transporte que poderá ter um potencial interessante para uma procura horária igual ou superior a 4000 passageiros por direção.
Sistemas de transporte, Flexibilidade, Sistema guiado, Custos, Análise multicritério, ELECTRE

Julho 23, 2020, 11:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Paulo Manuel da Fonseca Teixeira

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar