Dissertação

Desenvolvimento de metodologias para a visualização do fenómeno da colmatação em meios porosos EVALUATED

Este estudo pretende estabelecer duas novas abordagens para visualização e quantificação do crescimento de biofilme em meios porosos. O crescimento de biofilme em meios porosos, denominado bioclogging, é um dos principais componentes do fenómeno da colmatação em zonas húmidas construídas e, por conseguinte, uma das causas da diminuição drástica do seu tempo de vida útil. Por outro lado, o crescimento de biofilme é responsável pelo melhoramento das características geotécnicas de solos aquando do uso de bactérias ureolíticas que, na presença de uma fonte de ureia e de cálcio, precipitam carbonato de cálcio (biocimento) devido à hidrólise da ureia que catalisam biologicamente através da enzima urease. O biocimento assim produzido tende a ocupar os poros acessíveis, agregando o meio particulado, aumentando a resistência e rigidez do solo e diminuindo a sua permeabilidade. Contudo, a medição e previsão da colmatação de meios porosos, mais especificamente a que é devida ao crescimento de biofilme, é um fenómeno que ainda não é totalmente compreendido. Os dois métodos aqui apresentados, dos quais um deles tira partido de um dispositivo de microfluídica, permitiram estabelecer instrumentos para a visualização do fenómeno e o cálculo de taxas médias de crescimento de biofilme. Pretende-se que estes resultados sejam uma ferramenta útil para a calibração de modelos numéricos de previsão do fenómeno da colmatação.
Zonas húmidas construídas, bioclogging, biocimentação, biofilme, microfluídica, ferramenta de visualização

Novembro 16, 2018, 16:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Ana Fonseca Galvão

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Maria Rafaela Pinheiro Cardoso

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado