Dissertação

Comparing methodologies for evaluation of fatigue life of a highway bridge using measurement data EVALUATED

A monitorização de uma estrutura através de sensores permite a obtenção de informação adicional, que pode ser usada para melhor compreender o seu comportamento. Esta informação tem de ser interpretada com recurso a metodologias probabilísticas que levam a uma identificação robusta de parâmetros estruturais, de modo a permitir a utilização de modelos actualizados para previsão de comportamento estrutural em locais não monitorizados. Neste trabalho, uma comparação é feita entre três metodologias de interpretação de dados – Residual minimization, Bayesian model updating (BMU) e Error-domain model falsification (EDMF). Em primeiro lugar, o EDMF e o BMU são aplicados a um exemplo teórico como exercício introdutório à identificação estrutural. De seguida, as três metodologias são usadas para a previsão da vida útil em fadiga de uma ponte rodoviária e os resultados são comparados de modo a avaliar a robustez de cada metodologia. Os resultados obtidos através do BMU apresentam grande enviesamento. Para obter resultados fidedignos com o BMU as incertezas não podem ser consideradas como independentes, ou o conjunto de parâmetros a identificar tem de conter parâmetros que induzem erros sistemáticos. Os resultados obtidos com o EDMF são robustos e esta metodologia permite a utilização de um conjunto de parâmetros mais simples para a identificação estrutural. A simplicidade na utilização e interpretação do EDMF confere à metodologia uma maior compatibilidade com aplicações práticas de gestão de infraestruturas.
Interpretação de dados com base em modelos, Identificação Bayesiana, Falsificação de modelos, Estruturas em tamanho real

Setembro 22, 2017, 9:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Rita Maria Do Pranto Nogueira Leite Pereira Bento

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado