Dissertação

Avaliação da desidratação de lamas de ETAR: o caso de estudo da Póvoa da Galega EVALUATED

Uma das principais preocupações na gestão das ETAR está relacionada com a escolha do destino final adequado a dar lamas, de acordo com a legislação nacional em vigor. A presente dissertação tem como principal objetivo avaliar alternativas que permitam minimizar o custo de transporte e valorização das lamas em ETAR de pequena dimensão pertencentes ao sistema de Mafra, tendo sido identificado como uma das variáveis determinantes daquele custo o volume das lamas de depuração a transportar. No caso de estudo, procedeu-se à avaliação do desempenho de desidratação de lamas com recurso a leitos de secagem, através da instalação de dois leitos experimentais colocados no interior e no exterior da estufa da ETAR da Póvoa da Galega. Os resultados obtidos nos ensaios experimentais permitiram concluir que, contrariamente ao que seria de esperar, a capacidade de redução do volume de lamas no interior da estufa foi inferior em cerca de 50% face ao colocado no exterior. Neste contexto, equacionaram-se intervenções de beneficiação da instalação, designadamente através do incremento de ventilação na estufa e da aquisição de um equipamento de revolvimento das lamas, o qual permite melhorar o seu processo de desidratação. Dado o investimento a realizar e atendendo à proximidade de outras ETAR, geridas pela mesma entidade e com elevados encargos associados ao transporte de lamas, foi avaliada a possibilidade de centralizar a desidratação final e transporte de lamas de seis ETAR vizinhas à ETAR da Póvoa da Galega.
Leito de secagem de lamas, Desidratação, Estufa, Valorização, Centralização

Novembro 13, 2017, 16:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Filipa Maria Santos Ferreira

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Pedro Ricardo Neto Póvoa

ADP - Águas de Portugal

Especialista