Dissertação

Multiplex detection of cell surface markers using Surface Plasmon Resonance Imaging EVALUATED

Surface Plasmon Resonance (SPR) e ́ uma técnica consolidada para a detecção de ligações moleculares. Recentemente, novos setups instrumentais, transformaram o SPR num me ́todo de detecção da ligação específica ao sensor em tempo real e sem marcação . Neste trabalho, Surface Plasmon Resonance Imaging (SPRi) foi usado para investigar a viabilidade de um sensor multiplex na detecção simultanêa 44 antígenos da membrana celular. Curvas obtidas para as celulas cancerıgenas, mostraram uma variedade de respostas para cada um dos antigenos alvo. No que se refere a ́s medições efectuadas com ce ́lulas sangu ́ıneas, células T e Granulócitos foram facilmente identificadas. Medições efectuadas em sangue com adição de células cancerigenas, mostraram que com base na resposta de antígenos e ́ possível detectar estas ce ́lulas em amostras complexas. Para explorar os factores por detra ́s dos sinais de SPR detectados, uma comparac ̧a ̃o com Citometria de Fluxo, mostrou uma relação entre a intensidade da resposta e o nu ́mero de antígenos na membrana celular. Tambe ́m o estudo relativo ao efeito do nu ́mero de ce ́lulas e a sua àrea no sinal, demonstrou uma proporcionalidade com a intensidade. Adicionalmente, a ana ́lise de imagem de ce ́lulas individuais, indica que este me ́todo pode ser usado para monitorizar uma u ́nica ce ́lula. Em conclusão, neste trabalho foi ilustrado que a te ́cnica de SPRi permite observar simultânemente a ligac ̧ão celular a multíplos marcadores e sugere que a quantificac ̧a ̃o pode ser obtida.
Surface Plasmon Resonance, Multiplex sensor, Biomarcadores da membrana celular, Citometria de Fluxo, Linhas celulares cancerígenas, Interação ce ́lula-anticorpo

Dezembro 1, 2014, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

CO-ORIENTADOR

Ivan Stojanovic

University of Twente

Especialista

ORIENTADOR

Luís Joaquim Pina da Fonseca

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Associado