Dissertação

Potential Role of the Neural Stem Cell Secretome in Modulating Neural Injury CONFIRMED

As células estaminais neurais (NSCs) encontram-se no cérebro dos mamíferos adultos em nichos neurogénicos onde mantêm a capacidade de auto-replicação e diferenciação em novas células funcionais do sistema nervoso durante a vida do organismo. Curiosamente, estudos recentes sugerem que as NSCs podem induzir também a regeneração e proteção neural através da sua atividade parácrina. Adicionalmente, sistemas de cultura em três dimensões (3D), que representam melhor a fisiologia in vivo, têm revelado algumas melhorias nos perfis dos secretomas. Assim, o objetivo deste trabalho foi explorar o potencial terapêutico do secretoma produzido pelas NSCs em modelos de dano neural e investigar o sistema de cultura que resulta no secretoma mais protector. Inicialmente, diferentes modelos de neurodegeneração foram estabelecidos utilizando NSCs e N2a submetidas a 1-metil-4-fenilpiridina (MPP+) e peróxido de hidrogénio (H2O2). Subsequentemente, foi estabelecido e validado um modelo de cultura de NSCs em esferóides, de acordo com a formação e viabilidade dos esferóides. No entanto, quando comparados com o sistema 2D, os esferóides apresentaram níveis bastante mais elevados de marcadores de diferenciação. Finalmente, o secretoma proveniente das NSCs em sistema 2D induziu um aumento claro da viabilidade celular nos modelos de neurodegenerescência. Os nossos ensaios revelaram que o secretome obtido a partir de NSC em sistema 3D induz também uma resposta terapêutica. Em suma, os resultados indicaram que o sistema de cultura 2D é o mais adequado para a recolha de secretoma proveniente de NSCs e que o secretoma das NSCs possui propriedades terapêuticas, as quais poderão ser melhoradas no futuro.
Células estaminais neurais, Secretoma, Sistemas de cultura celular, Neurodegeneração

Julho 27, 2021, 10:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Susana Zeferino Solá da Cruz

Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Maria Margarida Fonseca Rodrigues Diogo

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar