Dissertação

A eficiência das unidades hospitalares em Portugal - Utilização de ferramentas Não-Paramétricas de Benchmarking: Data Envelopment Analysis EVALUATED

Os hospitais são estruturas complexas que produzem múltiplos outputs a partir de diversos recursos, finan- ceiros ou não. A par da complexidade inerente ao seu processo de produção, urge questionar se as práticas adoptadas são ou não eficientes do ponto de vista económico, no sentido em que o desperdício seja mínimo para os níveis produtivos realizados, tendo em atenção o ambiente operacional, caracterizado pelo estado sócio-demográfico e político vigente entre 2002 e 2009. Este período foi caracterizado por diversas reformas políticas com objectivos como a redução de custos e aproveitamento de economias de escala e de gama. Utilizando a metodologia Data Envelopment Analysis orientada para os recursos (inputs), com dados relativos aos custos e à produção do serviço de internamento, que consome cerca de metade dos recursos totais do hospital, foi possível observar um crescimento considerável da eficiência técnica e da eficiência de escala, tendo os hospitais se aproximado da respectiva escala óptima, ainda que os níveis de ineficiência técnica e de congestionamento tenham sido consideráveis. O ambiente operacional em torno deste serviço, bem como a qualidade do mesmo e as reformas implementadas foram também analisados, tendo-se concluído que factores como a qualidade, a demora média e a actividade dos cuidados de saúde primários na periferia do hospital tendem a prejudicar a eficiência técnica do serviço de internamento. A reforma de empresarialização dos hospitais não se traduziu em alterações significativas na eficiência, enquanto que as Unidades locais de saúde obtiveram os piores resultados em termos de eficiência.
Serviço Nacional de Saúde, Data Envelopment Analysis, Eficiência, Congestionamento, Bootstrapping, Ambiente Operacional

Abril 17, 2013, 11:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

António Vaz Carneiro

Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa

Doutor

ORIENTADOR

Rui Domingos Ribeiro da Cunha Marques

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Associado