Dissertação

MRI/TRUS data fusion Prostate cancer diagnostic and focal treatment EVALUATED

O cancro da próstata é o mais comum entre homens e com tendência para aumentar com o envelhecimento da população mundial. Actualmente, nenhuma técnica imagiológica consegue ao mesmo tempo proporcionar uma navegação de agulhas precisa e ser rentável, dificultando por isso a capacidade de executar biópsias direccionadas e/ou terapias focais. Assim, o registo de imagens entre MRI e TRUS tem sido a solução mais consensual. Seguindo essa linha de investigação, neste trabalho foi desenvolvido um método que combina segmentação semiautomática seguida de um registo elástico, para ser aplicada à braquiterapia da próstata. A segmentação semiautomática é realizada com base em \textit{Active Shape Models (ASM)}, enquanto a técnica de registo não rígido em MRI pré-intervencional é baseada em interpolação por \textit{Thin-Plate Splines}. Utilizando os métodos desenvolvidos para a braquiterapia, foi também realizado um estudo para o caso das biópsias. Este estudo quantificou o movimento da próstata durante o procedimento da biópsia sob a acção de forças exteriores induzidas pelo contacto com a sonda de ultra-sonografia transrectal.
Cancro da próstata, Segmentação semi-automática, Active Shape Models (ASM), Registo de imagem MRI/TRUS, Thin-Plate Splines

Outubro 29, 2012, 16:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Jorge Manuel Mateus Martins

Departamento de Engenharia Mecânica (DEM)

Professor Auxiliar