Dissertação

Adjustment of Deformable Models to Organ Surfaces in 3D Images EVALUATED

A segmentação do ventrículo esquerdo (LV) em imagens ecocardiográficas é uma metodologia vulgarmente utilizada para avaliar o funcionamento cardíaco e para detectar anomalias. Tradicionalmente, os cardiologistas segmentam o LV no fim das fases sistólica e diastólica para determinar a fracção de ejecção. Contudo, a segmentação manual do LV é uma tarefa morosa, o que significa que sistemas automáticos de segmentação proporcionam ferramentas poderosas para aumentar o rendimento das clínicas. Já foram propostos vários sistemas de segmentação automática do LV, que normalmente utilizam algoritmos de aprendizagem ou modelos com restrições de forma para lidar com a baixa qualidade das imagens de ultrassom e com a grande quantidade de dados 3D. Todavia, estas abordagens podem não revelar anomalias anatómicas no LV. Esta tese propõe um sistema de segmentação 3D robusto que consiste num modelo deformável que usa um modelo de estimação robusta e pesquisa direccional para detectar a fronteira do LV. Os resultados demonstram que o algoritmo obtém bons resultados quer em imagens sintéticas quer imagens ecocardiográficas. As segmentações do LV obtidas foram comparadas com as segmentações realizadas por um especialista, resultando numa média de 4+-1 pixéis de distância entre pontos pertencentes a ambas.
Ecocardiografia 3D, Ventrículo Esquerdo, Segmentação, Modelos Deformáveis, Extracção de Features, Estimação Robusta

Novembro 4, 2011, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

CO-ORIENTADOR

Jacinto Carlos Marques Peixoto do Nascimento

ISR/IST

Investigador Principal

ORIENTADOR

Jorge Dos Santos Salvador Marques

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Associado