Dissertação

A Bayesian approach to perfusion imaging using ASL MRI EVALUATED

Arterial Spin Labeling (ASL) é um método não invasivo através do qual se obtêm imagens de perfusão do cérebro. Utilizando uma sequência de marcação alternada, a diferença de magnetização entre o conjunto das imagens é obtido realizando subtracção entre as imagens marcadas e não marcadas. Devido ao baixo valor de SNR, é necessário adquirir um número suficiente de imagens que permita detectar a pequena diferença de magnetização à qual se associa a perfusão. Neste trabalho, sugere-se uma nova abordagem ao processamento de imagens de ASL, onde o cálculo da média não é efectuado de modo explícito. Através de uma formulação Bayesiana, onde são aplicados priors espacio-temporais para auxiliar no processo de estimação da imagem, torna-se possível diminuir os tempos de aquisição sem comprometer a qualidade da imagem estimada. A condição a priori de que não são esperadas transições de sinal abruptas ao longo do mesmo tecido, excepto nos limites dos órgãos, é imposta pela aplicação dos priors. Para avaliar a performance do algoritmo proposto, os resultados obtidos em simulações com dados sintéticos foram comparados com os dois métodos de subtracção mais usados para processamento de sinal de ASL, pair-wise subtraction e surround subtraction. Os resultados obtidos foram encorajadores, na medida em que se obteve um aumento de SNR da imagem e uma diminuição do erro médio. Posteriormente aplicou-se o método a dados reais e os resultados obtidos foram igualmente satisfatórios.
arterial spin labeling, formulação bayesiana, perfusão, magnetização, priors espácio-temporais

Dezembro 12, 2011, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

CO-ORIENTADOR

Patrícia Margarida Piedade Figueiredo

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

João Miguel Raposo Sanches

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar