Dissertação

Exploring novel downstream strategies for the purification of enveloped VLPs EVALUATED

Vacinas que têm como base partículas semelhantes a vírus (VLPs) são candidatos promissores para desenvolvimento de vacinas, oferecendo novas perspetivas de tratamento. As VLPs podem ser também aplicadas na administração dirigida de medicamentos ou em diagnóstico, nomeadamente no mapeamento molecular. Na primeira parte desta tese, o processo de purificação de VLPs foi melhorado, avaliando um dos passos essenciais mas geralmente negligenciado, a clarificação. Como prova de conceito, os estudos de clarificação foram feitos para duas VLPs com envelope – Influenza e Hepatite C. A combinação de filtros de profundidade levou a uma redução significativa da turbidez, bem como a rendimentos de 100% em alguns dos testes de clarificação. Na segunda parte é reportada uma abordagem de funcionalização específica in vivo das VLPs de Influenza. O passo inicial envolve a incorporação seletiva de azidohomoalanina na hemaglutinina. O segundo passo utiliza uma reação em clique que marca as VLPs com fluorescência, utilizando uma Alexa. Esta estratégia não interfere nem com a produção das VLPs, nem com os processos de purificação, preservando a função biológica. A incorporação da azidohomoalanina, a marcação e a caracterização das VLPs foi monitorizada e optimizada usando microscopia confocal e citometria de fluxo. Esta última permitiu uma seletiva discriminação/separação entre VLPs e baculovirus confirmada por microscopia de força atómica. Esta abordagem é uma ferramenta valiosa para monitorização do processo de purificação. A sua versatilidade e flexibilidade permite o desenvolvimento de partículas multifuncionais que podem ter impacto em doenças alvo (cancro), vacinas e desenvolvimento de biofármacos (administração de medicamentos, diagnóstico).
clarificação, filtração em profundidade, bioconjugação, click-chemistry, purificação, partículas semelhantes a vírus

Setembro 16, 2015, 10:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Ana Margarida Nunes da Mata Pires de Azevedo

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Colaborador Não Remunerado Docente