Dissertação

Developing an Advanced Therapy Medicinal Product (ATMP) for regulatory approval: optimization of product release and shelf life EVALUATED

As células estaminais do mesênquima (MSCs) são capazes de modular o sistema imunitário pela secreção de citocinas, o que as torna atractivas para aplicações clinicas. Advanced Therapy Medicinal Products (ATMP) baseados em MSCs requerem expansão ex vivo destas células, bem como o armazenamento e a distribuição dos ATMP. Neste estudo, as MSCs foram expandidas em diferentes meios de cultura e utilizando diferentes substratos de adesão. O estudo incluiu meios de cultura isentos de componentes animais, isentos de componentes xenogénicos e contendo soro animal. Contudo, todos os meios-protótipo isentos de componentes animais mostraram-se incapazes de expandir significativamente as MSCs. A condição que obteve melhores resultados foi utilizando MesenCult®-XF (Stem Cell Technologies) em Fibronectina, com uma duplicação cumulativa da população ao fim de três passagens de 11.6. Por outro lado, as MSCs são geralmente armazenadas em condições de criopreservação. Estudos recentes, mostraram que MSCs criopreservadas em bancos possuem propriedades imunomodulatórias enfraquecidas em comparação com as MSCs em crescimento. Além disso, após recolha das células em cultura, é necessário ressuspendê-las num excipiente capaz de manter a viabilidade celular bem como o potencial terapêutico, durante o tempo de vida útil, shelf-life, proposto. Neste estudo, MSCs provenientes destas condições foram analizadas pela sua capacidade de suprimir as células T e de produzir IL-10, PGE2 e IL-6. Dos resultados obtidos, concluiu-se que as células mantidas em bancos de criopreservação deverão ser postas em cultura antes da libertação do produto e formuladas por resuspensão em solução salina ou Plasma-Lyte 148, para distribuição em hospitais.
Células estaminais do mesênquima, expansão ex vivo, sem componentes animais, libertação do produto, tempo de vida útil do produto

Novembro 21, 2013, 11:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

Francisco Ferreira dos Santos

Cell2B – Advanced Therapeutics

Doutor

ORIENTADOR

Cláudia Alexandra Martins Lobato da Silva

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar