Dissertação

Construção do clone molecular infeccioso do isolado P1OLV do vírus Maedi-Visna EVALUATED

O vírus Maedi Visna (MVV) é um lentivirus pertencente à família Retroviridae. Juntamente com o vírus da artrite encefalite dos caprinos (CAEV), são os protótipos de um grupo de lentivirus dos pequenos ruminantes (SRLV) associados a doenças de evolução lenta e progressiva nestas espécies. O vírus P1OLV é uma estirpe Portuguesa do vírus Maedi Visna, e após a análise da sua cinética de replicação, este isolado foi classificado como sendo do tipo lento/baixo. Os clones infecciosos são importantes ferramentas para o estudo da diversidade genética viral, para a compreensão dos mecanismos de evolução molecular e permitem o estudo de marcadores de virulência, contribuindo para o aprofundamento dos conhecimentos sobre a heterogeneidade epidemiológica das infecções. O objectivo do presente trabalho é a construção de um clone molecular infeccioso do isolado P1OLV para a continuação dos estudos sobre a actividade promotora da LTR e nomeadamente no contributo para o fenótipo lento/baixo do P1OLV. Para tal três fragmentos que correspondem à totalidade do vírus foram amplificados por PCR e clonados no vector de clonagem pCR® 2.1, de modo a servirem de molde para os procedimentos seguintes. Cada um dos fragmentos clonados foi utilizado para a construção do clone infeccioso no vector de clonagem pUC19. Infelizmente não foi possível construir o clone infeccioso devido à dificuldade de ligar os três fragmentos correctamente ao vector, apesar das várias tentativas.
Lentivirus, P1OLV, vector de clonagem, clone infeccioso

Junho 19, 2012, 14:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

Sílvia Carla Santos de Barros

Laboratório Nacional de Investigação Veterinária

Doutora

ORIENTADOR

Gabriel António Amaro Monteiro

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar