Dissertação

Investigating the role of GLIS3 in glycaemic control and in the development of zebrafish embryos. EVALUATED

A GLIS3 (similar de GLI) é um gene localizado no cromossoma 9 dos humanos que codifica um factor de transcrição que utiliza domínios de anéis de zinco para a sua estabilização. Recentemente, a partir de um estudo de larga escala de associação em participantes não diabéticos, um SNP neste gene foi descoberto com associação significativa à glicemia em jejum e função das células beta (HOMA-B). Além disso, mostrou elevada expressão no pâncreas endócrino. O objectivo deste projecto foi a sequenciação das regiões codificantes da GLIS3 num controlo populacional (população de Ely) para a procura de variantes raras e o seu impacto em diversos ensaios glicémicos usando ferramentas estatísticas como o STATA. No total, foram encontradas 175 variantes, 33 destas alteravam a proteína final, 16 não alteravam a proteína final e 126 eram não codificantes. Nenhuma mostrou associação estatística para nenhum dos testes. Duas variantes comuns foram também descobertas e não significante. No entanto, uma delas seria vantajoso estudar-se numa amostra populacional de maior dimensão. Para um entendimento mais aprofundado do papel da GLIS3, procedeu-se ao ?knock-down? da mesma em peixe zebra usando oligonucleótidos de morfolino. O fenótipo resultante mostrou deficiência no crescimento e defeitos no desenvolvimento do coração durante os primeiros dias de desenvolvimento. Contudo, a expressão do gene em estudo não foi totalmente entendida. Além disso, com base nos testes feitos de imunofluorescência, pode-se concluir que existe pâncreas nos embriões com as traduções dos genes PDX1 e GLIS3 reduzidas.
GLIS-kruppel zinc finger, diabetes do tipo 2, glicemia em jejum, HOMA-B, variantes raras, peixe zebra, pâncreas

Novembro 17, 2010, 9:30

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

Inês Barroso

Wellcome Trust Sanger Institute, Hinxton - Cambridge

ORIENTADOR

Arsénio do Carmo Sales Mendes Fialho

Departamento de Engenharia Química e Biológica (DEQB)

Professor Associado