Dissertação

Evaluating the impact of culture conditions on human mesenchymal stem/stromal cell-derived exosomes through FTIR spectroscopy EVALUATED

Na última década, os efeitos terapêuticos das células estaminais mesenquimais (CEMs) têm sido atribuídos à atividade parácrina exercida por vesículas extracelulares secretadas pelas CEMs, como os exossomas. As suas propriedades têm promovido o interesse do seu uso em aplicações terapêuticas. O presente trabalho pretendeu avaliar o modo como diferentes condições de cultura, tais como meio de cultura (StemPro XenoFree vs DMEM), tempo de condicionamento (dias 1, 2 e 3) e dadores de CEMs (seis dadores), afetam as características químicas dos exossomas. Para tal, exossomas purificados foram caracterizados por espetroscopia de infravermelho por Transformada de Fourier (IVTF), técnica altamente sensível e rápida. Uma vez que os espetros obtidos para exossomas purificados mostraram que o kit de purificação interferia com o sinal espectral, a caraterização dos exossomas foi otimizada em relação ao fator de diluição de forma a minimizar esta interferência. A caracterização qualitativa mostrou que os exossomas produzidos em diferentes meios apresentaram diferentes assinaturas moleculares. As caraterísticas químicas dos exossomas mostraram depender mais dos dadores de CEMs do que do tempo de condicionamento. Razões espectrais identificadas, características de determinadas ligações químicas, permitiram discriminar a composição química de exossomas produzidos nos diferentes meios e por diferentes dadores. Observou-se uma maior produção relativa de exossomas em DMEM. Como trabalho suplementar, os meios condicionados foram também caracterizados por espectroscopia de IVTF. Meios condicionados de diferentes dadores apresentaram diferentes perfis metabólicos. Este trabalho é um passo em frente para perceber como diferentes condições de cultura afetam os exossomas produzidos por CEMs e as suas características.
Células Estaminais Mesenquimais, Exossomas, Purificação, Espectroscopia de IVTF, Assinatura Molecular

Junho 19, 2018, 11:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Ana Margarida Pires Fernandes Platzgummer

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Colaborador Docente

ORIENTADOR

Cecília Ribeiro da Cruz Calado

Instituto Superior de Engenharia de Lisboa

Doutora