Dissertação

Crack Modelling with the extended Finite Element Method EVALUATED

O mais importante para a indústria aeroespacial é a segurança do equipamento. Os engenheiros fazem um grande esforço para garantir elevados padrões de qualidade. O estudo de fendas é extremamente importante para este propósito. A modelação de fendas, tem sido desde sempre um tópico muito importante. As abordagens tradicionais com o método dos elementos finitos podem fornecer soluções precisas, no entanto, a construção das malhas é demorada e não é óbvia. Um novo conceito emerge, conhecido como o Método de Elementos Finitos Extendidos, XFEM, em que as descontinuidades geométricas e as sigularidades, são introduzidas numericamente, com a adição de novos termos às funções de forma. Assim, a formulação em elementos finitos permanece a mesma, a representação da fenda é mais fácil, com uma solução mais precisa. Esta tese verifica a validade deste novo conceito para fendas estacionárias com ajuda do XFEM, implementado no Abaqus. O critério de comparação é o factor de intensidade de tensões para geometrias simples. Os resultados computacionais são próximos dos valores obtidos com as soluções disponíveis na literatura e qualitativamente a simplicidade do método é verificada.
Fenda, XFEM, Abaqus

Julho 3, 2013, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Virgínia Isabel Monteiro Nabais Infante

Departamento de Engenharia Mecânica (DEM)

Professor Auxiliar