Dissertação

Abrigo móvel sustentável para nómadas urbanos. Desenvolvimento do estudo prévio EVALUATED

São cada vez mais os cidadãos que, por opção ou por força de circunstâncias económicas e sociais, vivem as grandes cidades sem residência fixa. As urbes apresentam uma carência de soluções que suportem um estilo de vida urbanisticamente nómada, o que resulta em apropriações indesejadas de espaços públicos e consequente degradação da paisagem urbana. Como resposta à problemática levantada, é equacionado e proposto um estudo prévio para o desenvolvimento de um abrigo móvel destinado a qualquer tipo de nómada urbano e com capacidade de resposta para as suas necessidades mais básicas, enquadrado na temática da sustentabilidade. As premissas que definem os requisitos da peça proposta apoiam-se numa fase de investigação que se inicia com a procura de exemplos de projeto cujo objetivo se assemelha ao do presente trabalho. Os princípios sustentáveis que abarcam as ideias de projeto são justificados através da pesquisa e enquadramento pela temática do desenvolvimento sustentável. A fundamentação dos requisitos culmina na compreensão da dinâmica de vida e carências do quotidiano de um nómada urbano. O abrigo sustentável é caracterizado pelo fácil transporte, apresentando-se como uma peça unitária, multifuncional, desconstrutível, dobrável e leve, feita de materiais que se enquadrem na temática da sustentabilidade e contribuam para um bem-estar físico na ocupação do espaço interior em qualquer altura do ano. Tratando-se de um estudo prévio, cada solução proposta apresenta-se como uma hipótese de resposta aos problemas especificamente levantados em cada momento do processo de projeto, estando sempre sujeita a alterações futuras.
Abrigo, Sustentabilidade, Nomadismo Urbano, Conforto, Mobilidade.

Junho 16, 2015, 10:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Pedro Manuel Gameiro Henriques

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Ana Paula Filipe Tomé

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar