Dissertação

Arquitectura 65+ em portugal - Um estudo de pós-ocupação EVALUATED

O tema do envelhecimento tem integrado diversas áreas de investigação, não constituindo a arquitetura uma exceção. Consequência de uma população cada vez mais envelhecida, em sincronia com outros fatores, os ambientes residenciais séniores têm vindo a acentuar a sua presença na sociedade contemporânea. Enfrentando este panorama, interessa compreender e investigar sobre o contributo da arquitetura neste campo de atuação. “Arquitetura 65+” é a designação utilizada como sinónimo de modelos residenciais séniores em Portugal. Recorrendo à análise destes modelos, o objetivo geral desta investigação é compreender o papel da arquitetura como instrumento de valorização dos espaços residenciais séniores. Para o efeito destacou-se o estudo de programas e exigências funcionais que informam a sua concepção arquitectónica, considerando a adaptação/requalificação de equipamentos existentes e a construção de raíz.
envelhecimento ativo, residências assistidas, arquitetura 65+, avaliação pós-ocupação

Novembro 19, 2015, 15:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Teresa Frederica Tojal de Valsassina Heitor

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Catedrático