Dissertação

Representação gráfica da arquitetura. O caso de estudo do Jornal Arquitectos (2000-2018) EVALUATED

A presente dissertação estuda o modo de representação de obras de arquitetura, tomando uma revista portuguesa da especialidade como caso de estudo. O estudo é baseado na análise dos projetos e obras publicadas no Jornal Arquitectos no período entre 2000 e 2018. A investigação inicia por fazer uma leitura histórica dos periódicos de arquitetura em Portugal, entre o século XIX e o século XX, com o intuito de identificar e caracterizar as revistas portuguesas de arquitetura e os órgãos oficiais dos arquitetos. A análise da secção de projetos do Jornal Arquitectos nos últimos 18 anos permite compreender quais os suportes mais utilizados e valorizados na representação de uma obra de arquitetura. A comparação entre as diferentes fases do jornal nesse período permite ainda avaliar de que forma o design gráfico foi evoluindo. Para aprofundar este estudo, selecionam-se duas obras, respetivamente o Conjunto Habitacional da Bouça no Porto, projeto de Álvaro Siza Vieira, e a Nova Sede da EDP em Lisboa, projeto de Aires Mateus, para ver comparativamente como a sua representação foi feita no Jornal Arquitectos e em outras revistas da especialidade.
Arquitetura, Design Gráfico, Representação, Discurso, Jornal Arquitectos

Julho 4, 2019, 12:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Bárbara dos Santos Coutinho

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar Convidado

ORIENTADOR

Rute Maria Pinto Figueiredo Lima da Veiga

Université Rennes 2

Investigadora Doutorada