Dissertação

Modeling of a fixed bed industrial hydrotreating unit: Improvements in the deactivation mechanism Improvements in the deactivation mechanism EVALUATED

Um programa de simulação chamado THERMIDOR foi desenvolvido em FORTRAN e simula por completo uma unidade de hidrotratamento. Este consiste num modelo cinético de hidrotratamento de resíduos baseado em 8 famílias químicas (gases, saturados, aromáticos-, aromáticos+, resinas-, resinas+, asfaltenos e depósitos de metal) que são ainda divididas em subespécies para se poder seguir a composição atómica (C, H, S, N, O, Ni, V) de cada família. Foram consideradas 87 reacções entre as subespécies. O modelo cinético foi integrado no modelo de um reactor de leito catalítico fixo tendo em conta o transporte intraparticular molecular, de Knudsen e de difusão configuracional. Durante o desenvolvimento do modelo foi demonstrado que para as fracções pesadas do petróleo, a difusão intraparticular limita significativamente as moléculas pesadas e precisa de ser considerada. O estágio teve como objectivos melhorar o processo de desactivação do catalisador provocada pela deposição de coque e metais assim como acoplar estes efeitos na actividade e selectividade do catalisador. O modelo já continha um módulo para a desactivação do catalisador mas os resultados previstos não representavam correctamente os fenómenos observados, mais especificamente a desactivação inicial rápida do catalisador que se verifica nos primeiros dois meses após o arranque da unidade. Assim, foram implementadas com sucesso algumas modificações no código cujos resultados obtidos são mais realísticos que os anteriores. Pode-se agora considerar que o modelo prevê bem o processo de desactivação.
hidrotratamento, hidrodesulfuração, hidrodemetalização, resíduos, modelização

Setembro 5, 2007, 18:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Fernando Manuel Ramôa Cardoso Ribeiro

Departamento de Engenharia Química e Biológica (DEQB)

Professor Catedrático

CO-ORIENTADOR

Jan Verstraete

INSTITUT FRANÇAIS DU PETROLE  -  Division Procédés

Especialista