Breve Introdução

Obter brochura da LEE


É um Curso com forte componente interdisciplinar orientado, desde o início, para estimular as capacidades criativas e de empreendedorismo dos alunos, tendo em vista o desenvolvimento das competências de concretização de sistemas eletrónicos modernos usados, hoje em dia, em todas as áreas da engenharia. Beneficia das experiências pedagógicas inovadoras no campus do IST Taguspark e das infraestruturas tecnológicas aí.

A preocupação permanente em introduzir trabalhos de projeto inovadores e criativos em algumas disciplinas deste curso permite que os alunos realizem pequenos sistemas e adquiram competências de concretização excelentes que o mercado de trabalho valoriza muito. A excelente formação obtida nos 6 primeiros semestres permite um ingresso fácil no Mestrado em Engenharia Eletrónica ou noutros cursos, no país ou no estrangeiro, sem qualquer dificuldade.

Historial

A Licenciatura em Engenharia Electrónica iniciou-se em 2003 com uma proposta de ensino de engenharia, em 5 anos, visando o ensino de técnicas e tecnologias de realização de sistemas electrónicos para várias vertentes da engenharia, sem descurar o ensino de conhecimentos necessários a vários operadores na área dos serviços e da consultadoria técnica.

A introdução no ensino da LEE de métodos de ensino que estimulam o desenvolvimento da capacidade criativa dos alunos tem originado prémios para as propostas dos alunos (ver por ex. http://www.innovpoint.com/pt-PT/oportunidades/premio_innovationpoint/ onde alunos da LEE conseguem um brilhante posicionamento num concurso muito competitivo - 2º prémio e duas das 3 menções honrosas).

No processo de Bolonha, em 2006, a estrutura do curso foi alterada para um funcionamento em 2 ciclos de estudo: 1º ciclo- Licenciatura em Engenharia Electrónica com 180 ECTS (6 semestres) e um 2º ciclo- Mestrado em Engenharia Electrónica com 120 ECTS (4 semestres). O Mestrado termina com uma dissertação individual que passou a valer 42 ECTS (cerca de 6 a 7 disciplinas semestrais).

Objectivos

Estimular o desenvolvimento da capacidade criativa dos alunos de modo a formar profissionais com capacidade de inovar e de criarem os seus negócios baseados nos seus avançados conhecimentos tecnológicos.

Formar licenciados com um espectro largo de conhecimentos e capacidades, centrado nas tecnologias mais avançadas dos componentes, equipamentos e sistemas electrónicos modernos, em todas as suas vertentes e aplicações (comunicação, controlo, informática, energia, etc.).

Formar licenciados com capacidades de analisar e de sintetizar sistemas electrónicos modernos, especialmente dotados da capacidade de concretizar materialmente esses sistemas usando as melhores técnicas e tecnologias.

 

Destinatários

Todos os alunos que queiram obter formação numa área tecnológica moderna - a electrónica- com conhecimentos avançados de engenharia, com formação de base muito forte, mas que lhes permitirá, no futuro, uma integração profissional muito rápida em indústrias e serviços do mais alto nivel tecnológico.

A excelência da formação dos licenciados portugueses em Electrónica é reconhecida internacionalmente. Em 2007 assistiu-se à compra de empresas portuguesas que em poucos anos atingiram notoriedade internacional na área de microelectrónica e que foram adquiridas por empresas internacionais que não dispunham dessa competência tecnológica.

Saídas Profissionais

A electrónica é hoje a base de todo o desenvolvimento das sociedades modernas e o mercado tem reconhecido isso nas remunerações dos licenciados com conhecimentos de electrónica. A excelente formação adquirida na LEE dá acesso a inúmeras saídas profissionais quer estas sejam baseadas em sistemas de hardware ou software, nos serviços ou na indústria, nomeadamente:

Prestação de serviços nas diferentes áreas da engenharia, nomeadamente: Telecomunicações e Tecnologias de Informação e Automação Industrial.

Actividades de integração, configuração, programação e ensaio dos sistemas electrónicos existentes em qualquer instalação fabril.

Actividades de projecto, preparação, fabrico e ensaio de pequenos módulos requeridos por equipamentos e sistemas electrónicos complexos.

Pequenos estudos na área da engenharia electrónica, com ênfase especial na análise das capacidades de concretização desses sistemas e das suas múltiplas aplicações em todas as áreas de engenharia.

Regime de Funcionamento

O regime de funcionamento é semestral com 4 ou 5 disciplinas por semestre.

Propinas

A política de propinas é definida pelos órgãos directivos do IST. Grande parte das propinas tem sido investido na criação de excelentes Laboratórios e Oficinas de que os alunos são os principais beneficiários.

Coordenadores

2020/2021
Pedro Manuel Brito da Silva Girão
psgirao@tecnico.ulisboa.pt

A informação contida nesta página é da responsabilidade da equipa de coordenação do curso.