Dissertação

Viabilidade técnico-económica do tijolo face à vista em fachadas de edifícios em Portugal EVALUATED

Esta dissertação de Mestrado, realizada no âmbito do Mestrado Integrado em Engenharia Civil do Instituto Superior Técnico, faz parte de um conjunto de estudos, com o objectivo de avaliar alternativas às actuais soluções de alvenaria exterior em Portugal. A solução analisada nesta dissertação é a de tijolo face à vista (TFV). O tijolo é um material com milénios de História, seguindo evoluções diferenciadas em vários países. Em Portugal, a evolução tornou o tijolo num elemento de enchimento de alvenaria, leve, sem funções estruturais e revestido. Em muitos países, referidos ao longo deste documento, dos quais se pode destacar o Reino Unido, o tijolo é actualmente, como quase sempre foi, um elemento de alvenaria utilizado com face à vista. Função da referida evolução nacional, a alvenaria de tijolo passou a assumir um papel de pouca relevância, cuja execução exige pouca qualificação técnica. O TFV (tijolo face à vista) requer uma aplicação mais cuidada e rigorosa. Este oferece como vantagens a ausência de trabalhos de reboco e pintura, conduzindo a um acabamento das fachadas no instante da sua aplicação, com uma notável durabilidade e vantagens do ponto de vista estético. O desempenho das tradicionais fachadas de TF (tijolo furado) é idêntico ao do TFV em muitos aspectos. Os custos de execução podem ser inferiores, estando dentro da mesma ordem de grandeza. O TFV aparenta ser um material competitivo e uma alternativa viável às soluções tradicionais de alvenaria em Portugal. Todas as temáticas referidas são alvo de desenvolvimento cuidado ao longo deste estudo.
Alvenaria, alvenaria armada, tijolo face à vista, tijolo maciço, tijolo furado.

Outubro 18, 2007, 0:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Jorge Manuel Caliço Lopes de Brito

Departamento de Engenharia Civil e Arquitectura (DECivil)

Professor Associado