Breve Introdução

O Programa Doutoral em Materiais e Processamento Avançados (AdvaMTech) é um programa de doutouramento conjunto do Instituto Superior Técnico (Universidade de Lisboa), da FCT da Universidade Nova de Lisboa, da FCT da Universidade de Coimbra, da Universidade de Aveiro, da FE da Universidade do Porto, da Universidade da Beira Interior, e da Universidade do Minho. O programa é financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia com 6 bolsas de doutoramento anuais, sendo da responsabilidade da Comissão Científica do curso selecionar os alunos que serão beneficiados com as bolsas da FCT.

Historial

O Programa Doutoral iniciou-se no ano lectivo 2013/2014 sendo a 1ª edição coordenada pela Universidade Nova de Lisboa. A 2ª edição ocorreu em 2014/2015 coordenada pela Universidade de Coimbra e a 3ª edição em 2015/2016 sob coordenação da Universidade do Minho.
A 4ª edição ocorrerá em 2016/2017 e será coordenada pelo Instituto Superior Técnico - Universidade de Lisboa.

Objectivos

70% de todas as inovações técnicas estão direta ou indiretamente ligadas aos materiais.Esta percentagem tem vindo a crescer desde os anos 70 e é previsível que continue a crescer até 2030.Os materiais avançados foram identificados pela Comissão europeia como uma das cinco tecnologias chave de desenvolvimento.
O Programa Doutoral proposto em Materiais e Processamento Avançados está em linha com esta realidade,oferecendo um 3º Ciclo altamente interdisciplinar, construído da competência e experiência das instituições de investigação e departamentos académicos envolvidos.
O programa está em linha com programas doutorais de Universidades e Institutos europeus de grande nomeada, o que tornará os seus diplomados mais competitivos em qualquer parte do mundo, em particular na Europa, para além de abrir portas ao alargar de colaboração científica entre o pessoal envolvido, o que trará como consequência um reforço da competitividade portuguesa relativamente a projetos e redes de I&D europeias.

Destinatários

A população alvo são os detentores de grau de mestre, ou equivalente legal, em Química, Física, Engenharia, nomeadamente, Engenharia de Materiais e áreas afins.
Os candidatos ao programa devem satisfazer os requisitos de admissão das instituições envolvidas, cujas regras serão anunciadas durante o processo de recrutamento, o qual será aberto a estudantes nacionais e internacionais.
Poderão ser admitidos candidatos que não possuam o grau de mestre desde que obedeçam às condições impostas no artº 30, ponto 1, do DL. Nº 74/2006, de 24 de março.

Saídas Profissionais

Regime de Funcionamento

As teses são efectuadas em regime de co-tutela entre orientadores de duas das Universidades envolvidas no Programa.

Propinas

O aluno paga propinas anualmente na Universidade onde se inscreve.

Coordenadores

2018/2019
Rogério Anacleto Cordeiro Colaço
rogerio.colaco@tecnico.ulisboa.pt

A informação contida nesta página é da responsabilidade da equipa de coordenação do curso.